Adaptive Hybrid Surgery Analysis

Table of Contents

Versión de software: 1.0
Edición: 1.2
Asegúrese de que selecciona la versión de software correcta. Para ello, seleccione el logotipo de Brainlab, que está situado en la esquina inferior derecha de la aplicación correspondiente.

Introdução

Informações básicas

O aplicativo Adaptive Hybrid Surgery Analysis permite a comparação dos efeitos de possíveis planos de tratamento radioterápico em pacientes com tumores benignos. Isso ajuda você a decidir:

  • Se a radioterapia é adequada para o tumor (p.ex., tumores benignos da base do crânio)

  • Se é necessário realizar uma cirurgia para possibilitar um tratamento por radioterapia

A análise com o aplicativo Adaptive Hybrid Surgery Analysis pode ser realizada de maneira pré-operatória ou intraoperatória.

Observações sobre segurança

Ao utilizar o aplicativo Adaptive Hybrid Surgery Analysis:

  • Não dependa inteiramente do software para realizar a cirurgia.

  • Riscos cirúrgicos sempre têm maior prioridade que os riscos indicados pelo software.

  • Este software não mostra onde extirpar o volume do tumor. O cirurgião é o responsável exclusivo por definir a extensão de uma ressecção subtotal de tumor, com base em sua perícia cirúrgica.

  • Considerando que o aplicativo Adaptive Hybrid Surgery Analysis não cria o plano de tratamento final, este poderá ser diferente. As áreas problemáticas visíveis na Interface de usuário (p.ex., os hot spots de dose) não ameaçam o paciente de maneira direta.

  • O software mostra apenas os riscos derivados da simulação do tratamento por radiação. Riscos cirúrgicos não são considerados na Tabela Radiation Plan Analysis e devem ser incluídos no processo de decisão pelo cirurgião.

  • Verifique cuidadosamente se o mesmo objeto de tipo tumor é selecionado em todos os aplicativos usados em um fluxo de trabalho (p.ex., Adaptive Hybrid Surgery Analysis, Cranial Navigation e Intraoperative Structure Update).

Aviso
Art. Nº: 60919-43BP

Fecha de publicación: 2019-06-13